Curso de Direito da Faculdade CESUSC projeta acadêmicos no cenário internacional

  • Data
    2 de dezembro de 2016
  • Discussão
    Nenhum comentário

Curso de Direito da Faculdade CESUSC projeta acadêmicos no cenário internacional

O curso de Direito da Faculdade CESUSC é um dos mais respeitados do País e desde sua criação promove experiências e vivências reais dos alunos no mundo jurídico. Entre as atividades desenvolvidas estão os intercâmbios com universidades estrangeiras e a participações em programas de prática jurídica.

É o caso da parceria da instituição com a Universidade de Macerata, na Itália. Todos os anos, a Faculdade CESUSC seleciona alunos para o intercâmbio em umas das melhores universidades de Direito. Recentemente, as acadêmicas Luisa Karam, Ana Laura Callegaro e Júlia Kurtz recepcionaram o palestrante e juiz brasileiro da Corte Internacional de Justiça (CIJ), Antonio Augusto Cançado Trindade, e o advogado da CIJ e ex-professor da CESUSC, Lucas Carlos Lima, na universidade italiana.

“A experiência de fazer um intercâmbio é única! Além de estudar de forma completamente diversa e absorver conteúdos novos, há a possibilidade de ultrapassar fronteiras, conviver com uma cultura completamente diferente, amadurecer, crescer, observar e entender melhor os outros (que são sempre tão diferentes de nós) e vivenciar momentos únicos, seja na academia ou mesmo na ‘rua’. Em resumo: saia de casa, do conforto, vá para o mundo e entenda quem você é para então entender para onde o Curso de Direito vai te levar”, aconselha Luisa Karam.

Outra atividade importante agendada para 2017 é a participação de alunos no “Philip C. Jessup International Law Moot Court Competition”, que tem a primeira etapa classificatória em Salvador e a final nos Estados Unidos. O evento, que está na 58ª edição, está vinculado ao ILSA (International Law Students Association).

“Montamos uma equipe de alunos da 10ª e 9ª fases para participar do maior e mais importante julgamento simulado da Corte Internacional de Justiça. Participar desse evento traz notoriedade aos alunos e ao curso e temos nesse ano uma equipe muito bem estruturada, com acadêmicos de altíssimo nível internacional e extremamente capacitados”, explica o professor Paulo Potiara.

A equipe é formada por Gabriel de Souza e Rafaela Hormann (10ª fase) e Julia Seleme (9ª fase). Os alunos deverão escrever peças processuais e fazer as sustentações orais no evento. A equipe também é formada pelos professores Paulo Potiara e Aline Beltrame, como técnicos, e por Wallace Johnson, como consultor informal.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *