Seletivo de Inverno

Você pode ingressar na Faculdade Cesusc em dois momentos: no Seletivo de Inverno ou no Vestibular e Seletivo de Verão. 

Em breve, mais informações sobre o Seletivo de Inverno.

CONHEÇA OS CURSOS

Confira o passo a passo para participar do Processo Seletivo da Faculdade Cesusc:


Fotocópia do Histórico Escolar de ensino médio*;
Fotocópia do Diploma ou Certificado de Conclusão registrado no órgão competente (frente e verso em uma única folha), conforme se o candidato concluiu o ensino médio profissionalizante ou o ensino médio regular, respectivamente;
Fotocópia do Diploma registrado no órgão competente (frente e verso em uma única folha) e do Histórico Escolar no caso do candidato ter concluído o ensino superior*;
Fotocópias dos seguintes documentos:
a) certidão de nascimento ou casamento;
b) cédula de identidade;
c) título eleitoral (com comprovante da quitação com as obrigações eleitorais) para brasileiros com mais de 18 anos;
d) comprovante de quitação com o serviço militar (se for brasileiro do sexo masculino e tiver mais de 18 anos);
e) comprovante de vacinação contra rubéola (se for do sexo feminino e tiver menos de 40 anos de idade);
f) CIC/CPF;
e) comprovante de residência.

* Os documentos solicitados neste item poderão ser entregues em cópia/reprodução fiel do original, em perfeito estado de leitura e compreensão, e mediante apresentação de original (autenticação realizada no momento da matrícula); e/ou cópias autenticadas em cartório, em uma mesma folha A4, em perfeito estado de leitura e compreensão.

1 foto 3x4 recente;
Boletim de desempenho do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) - caso tenha participado;
Assinatura do Contrato de Prestação de Serviços Educacionais (se for menor de 18 anos, o aluno deverá ter assistência do pai ou responsável);
Pagamento da primeira mensalidade referente ao semestre.
* Caso o candidato tenha concluído ou estudado parte da formação que será apresentada no Exterior, o Histórico Escolar e/ou o Diploma devem ser traduzidos por tradutor juramentado e ter equivalência de estudos atestada pelo órgão competente - Conselho Estadual de Educação.